Giro do Guerreiro

O “Giro do Guerreiro” teve duas fases na Gazeta. Em sua primeira temporada, o programa ia a festas, entrevistava celebridades e mostrava os principais acontecimentos, no melhor estilo de “colunismo social” na TV.

Em sua reestreia, ganhou ares de “intervenção urbana”, fruto de reportagens especiais que questionavam a vida cotidiana da cidade. Antônio Guerreiro passou a apresentar a atração em estúdio, ao vivo, além de mostrar diversas matérias gravadas em externa. Alguns quadros de sucesso (como o Zap) foram criados nesta nova fase, além dos famosos links ao vivo, direto das festas mais badaladas da cidade.

Conteúdos Relacionados